saltar para conteúdo

Visualizar informação

1900 apresentaram os ‘Os sonhos de Zarco’

Cerimónia de Abertura da Festa do Desporto Escolar recebeu muitos aplausos 24-05-2017 SRE / Direção Regional Educação
1900 apresentaram os ‘Os sonhos de Zarco’

A Cerimónia de Abertura da Festa do Desporto Escolar teve lugar no dia de ontem, no Estádio do Marítimo pelas 20:00, e abre assim a semana culminante das competições dos núcleos do desporto escolar.

A apresentação foi uma estreia para João Paulo Gouveia que deu voz a todos os acontecimentos do espectáculo.

O espectáculo começou com uma coreografia de contemporâneo com um par do conservatório a interpretar Avé Maria.

Seguiu-se o desfile 76 escolas e instituições com os alunos que estarão a competir estes 4 dias. E seguiu-se a apresentação dos 

12 padrinhos de modalidade, que cumprimentaram todo o público presente: Filipe Rebelo (AMA); Daniel Santos (Andebol); Joana Soares  (Atletismo); Kevin Selvarajah (Badminton); Carolina Aguiar (Basquetebol; Pedro Silva (Futsal); Iolanda Gomes (Ginástica); Francisca Nunes (Judo); João Rodrigues (Multiatividades Desportivas de Outdoor); Pedro Galvão Gouveia (Natação); António Jorge Fernandes (Ténis de Mesa) e Patrício Lopes (Voleibol).

O espectáculo gímnico teve início às 21:00. Contou com a presença de cerca de 1.900 figurantes - 900 do 1.º Ciclo, 600 dos 2º e 3.º Ciclos, 160 da Educação Especial, 180 seniores, 40 alunos do Conservatório e 20 dançarinos do Prestige Dance. Dos 8 aos 90 anos, todos tiveram um papel fundamental de abrilhantar esta representação gímnica e teatral de grande dimensão que teve como tema "Os Sonhos de Zarco - 600 anos da descoberta da ilha da Madeira"

Um dos momentos altos, e ditos pelo público como "arrepiantes e emocionantes", foi a homenagem a todas as forças que nos socorrem perante as situações adversas, naturais ou provocadas: Polícia, Polícia Marítima, GNR, Cruz Vermelha Portuguesa; Força Militar e Proteção Civil, sendo-lhe entregue uma medalha pelos figurantes mais novos, seguido de palmas, que rapidamente contagiou o público a se levantar e ir na "mesma onda".

Após muitos anos, a cerimónia de abertura volta a ser encerrada com um artista de renome. Desta vez foi o cantor madeirense Bryan Wilson, com nome sonante no panorama de música de dança Nacional e Internacional. Ficou conhecido "Ate a Noite Parar", sendo este um dos temas que não faltou na nossa abertura. Bryan afirmou, nas redes sociais, que: "quando estiver no palco do Desporto Escolar estarei a realizar o último dos meus sonhos de menino".